Tênis

Alemão considera "desastre" uma eliminação para o Brasil na Davis

Gazeta Esportiva11/09/2013 às 17h39

Titular da Alemanha no confronto contra o Brasil na Copa Davis, Daniel Brands sequer cogita ver seu país fora do Grupo Mundial da competição. O último ano em que a equipe germânica não integrou a elite da competição foi em 1983, o que o faz considerar um rebaixamento para o Zonal Europa/África uma verdadeira decepção.

“A derrota na repescagem seria uma amarga decepção. O rebaixamento seria um desastre”, afirmou o número 60 do mundo ao site Ran, da Alemanha. O duelo entre Alemanha e Brasil será disputado entre sexta e domingo, em Ulm (ALE).

Por conta deste histórico, a equipe europeia é favorita no confronto contra os brasileiros. Apesar disso, Brands exalta a equipe verde e amarela e descarta vida fácil na luta pela manutenção no Grupo Mundial.

“É claro que somos os favoritos, mas não devemos subestimar o Brasil. Eles têm bons jogadores. Thomaz Bellucci esteve constantemente no top 40 nos últimos anos e perdi para ele no Masters 1000 de Miami deste ano. Ainda tem a dupla (Marcelo Melo e Bruno Soares) que derrotou os irmãos Bryan no confronto contra os EUA”, conclui.

Além de Brands, estreante na Copa Davis, a Alemanha conta também com Philipp Kohlschreiber e Florian Mayer e o duplista Martim Emmrich. Já o Brasil terá Thomaz Bellucci, Rogério Dutra Silva e a dupla Marcelo Melo e Bruno Soares. Marcelo Demoliner e Guilherme Clezar são os reservas.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.