Palestras e oficinas

“Diálogos Culturais”: evento estimula troca de conhecimento entre fazedores de cultura

O evento é acessível em Libras e reunirá pesquisadores de renome em dois dias de evento.

Na Mira, com informações da assessoria

Sesc realiza 1º edição de Diálogos Culturais
Sesc realiza 1º edição de Diálogos Culturais (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS - Integrando o projeto Derresol Cultural, o Sesc apresenta a primeira edição da programação “Diálogos Culturais” com o tema “Desafios contemporâneos na gestão das Culturas de Tradição”. A programação que acontece nos dias 24 e 25 de maio, na Unidade Sesc Deodoro, contempla apresentações culturais, oficinas, palestras, exibição, roda de conversa com fazedores de cultura e pesquisadores que são referências na área. As inscrições para oficina e mesa de diálogo estão disponíveis no site do Sesc MA.

O evento tem como principal objetivo estimular a troca de experiências e conhecimentos entre agentes culturais, pesquisadores e fazedores da cultura popular, visando a construção de redes de colaboração e a promoção da reflexão quanto à valorização das culturas tradicionais, que muitas vezes enfrentam desafios significativos em um contexto de globalização e mudanças culturais aceleradas, entendendo que preservar e promover estas culturas é fundamental para a diversidade cultural e para a construção de identidades coletivas.

Durante os dois dias de programação, acontecerão oficinas e mesas de diálogos com pesquisadores e profissionais da gestão cultural com atuação nacional. Na sexta, dia 24, acontece a oficina “Economia criativa e gestão nas culturas de tradição”, com Luciana Guilherme (ESPM/ RJ). Luciana é doutora em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento (IE/ UFRJ) e possui experiência internacional como consultora. Também atuou no Ministério da Cultura, participando ativamente do processo de formulação e implantação de políticas públicas nacionais de economia criativa.

Já no sábado, dia 25, acontece a palestra “Participação negra na construção das políticas culturais numa perspectiva de consolidação do Sistema Nacional de Cultura” que será ministrada por Júnior Afro (MINC/PE). Júnior é Mestre em Estado, Governo e Políticas Públicas pela FLACSO e possui vasta experiência em programas e projetos culturais. Atualmente é Diretor do Sistema Nacional de Cultura/SNC do Ministério da Cultura.

Entre os convidados locais estão Abimaelson Santos, diretor de cinema e professor da UFMA, que fará a mediação da roda de conversa "Cultura viva: desafios e boas práticas na salvaguarda da tradição”. O diálogo contará com a participação de Nadir Cruz (MA), Gestora Cultural com ampla atuação na coordenação de projetos socioculturais, Mestra Roxa (MA) que é Caixeira Régia e ganhadora do prêmio “Mestre da Cultura Popular do MA” concedido pelo IPHAN, Governo do Estado e Ministério da Cultura e Dona Neuza (MA), Mãe de Santo e figura central no Sítio Nossa Senhora da Guia, um terreiro com mais de 50 anos de atividade no bairro do Coroadinho.

Encerrando a programação, o artista, produtor cultural e pesquisador, Igor Cariman (MA) apresentará a performance “Cazumba - corpo que baila no terreiro", que lhe rendeu o convite para participar do evento acadêmico Brazil Conference em Harvard (EUA), no mês de abril deste ano.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.