Contra a brucelose

Aged realiza em Chapadinha curso de capacitação

26/10/2011 às 18h56

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), promoveu, nesta quarta-feira (26), treinamento para formar novos vacinadores contra a brucelose. O curso foi voltado para auxiliares de campo da iniciativa privada da Região do Baixo Parnaíba e tem como principal objetivo aumentar a imunização dos animais em todo o Maranhão.

Dividido em duas etapas, o encontro aliou conhecimentos teóricos à prática em campo, abrangendo normas e utilização dos equipamentos de proteção individual (EPI), técnicas de contenção, identificação, registro e aplicação da vacina nos animais. O curso, que faz parte do Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e da Tuberculose Animal (PNCEBT), trabalha, ainda, a conscientização dos participantes sobre as características da brucelose, destacando os impactos econômicos e problemas de saúde animal e saúde pública no Brasil.

“Com o objetivo de darmos continuidade às ações do programa, a coordenação estadual da Aged vêm realizando capacitações para vacinadores contra brucelose em várias unidades regionais, com a finalidade de ampliar o número de vacinadores do Estado do Maranhão. Para 2012 estamos programando 18 cursos pelos municípios de todo o estado.” explicou a coordenadora do PNCEBT no Maranhão, a médica veterinária Sonizete Santana.

Em um levantamento realizado pela Aged, por meio de um inquérito soroepidemiológico, em 2008 foram coletadas amostras de sangue em 7.484 bovinos e bubalinos em 748 propriedades no Maranhão, onde 110 animais confirmaram ser reagentes a brucelose, representando um percentual de 1,62%. O índice recomendado pela Organização Mundial de Saúde Animal (O.I.E) é de 0,2%.

De acordo com Sonizete Santana, ações educativas como os cursos de capacitação contribuem para aumentar a cobertura vacinal do Estado. A meta da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão é imunizar 700 mil fêmeas contra a brucelose por ano.

Diferente da campanha contra febre aftosa, que é realizada em duas etapas por ano, a vacinação contra brucelose ocorre o ano inteiro. Os criadores que vacinarem seus animais devem comprovar a vacinação no escritório da Aged mais próximo de sua propriedade.

Brucelose

A brucelose, também conhecida como mal de Bang, Febre do Mediterrâneo, Febre do Chipre, Febre de Gibaltrar, Febre Napolitana, Febre do Danúbio, Doença de Mil Faces ou aborto infeccioso, é uma doença infecto-contagiosa de evolução crônica causada por bactérias do Gênero Brucella.

Ela causa abortamentos em fêmeas no estado final da prenhez, podendo ocorrer infertilidade temporária ou permanente, provocando grandes perdas econômicas, redução do desempenho reprodutivo e baixa produção de leite dos rebanhos principalmente em bovinos, bubalinos caprinos, suínos e menos comumente em ovinos. Ocasionalmente acomete os equinos.

As informações são da Secom do Estado.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.