Em Caxias

Caminhoneiro é detido pela PRF por fazer uso de inibidor de sono

A anfetamina é popularmente conhecida como "arrebite" e constitui o crime de porte de drogas.
Imirante.com / Com informações da PRF-MA05/03/2019 às 15h45
Caminhoneiro é detido pela PRF por fazer uso de inibidor de sono De acordo com a PRF, o motorista estava dirigindo há mais de 13h seguidas sem paradas maiores que 30 minutos. (Foto: divulgação / PRF-MA )

CAXIAS - Na manha desta terça-feira (5), a Polícia Rodoviária Federal (PRF-MA) realizou abordagens no km 543 da BR-316, em Caxias, quando parou um caminhoneiro de 41 anos, que conduzia o caminhão VW/24.280, com placas do estado de Pernambuco.

Ao conversar com o motorista do caminhão, a equipe da PRF realizou uma busca pessoal no veículo e encontrou 16 comprimidos de Nobésio Extra-Forte e outra cartela com 5 comprimidos já consumidos.

Essa anfetamina é popularmente conhecida como "arrebite" e é utilizada pelos motoristas como inibidor de sono, de forma a prolongar o tempo acordado e poder dirigir por longas distâncias.

De acordo com a PRF, o motorista estava dirigindo há mais de 13h seguidas sem paradas maiores que 30 minutos. O veículo estava carregado com 18 toneladas de banana provenientes de Santa Maria da Boa Vista/PE e tinha como destino a cidade de Belém/PA.

Questionado sobre a presença da anfetamina no interior do caminhão, o motorista informou que faz esse transporte de bananas do Pernambuco para Belém e devido ao horário apertado para percorrer a rota, faz uso da substância para dirigir o máximo de tempo possível sem paradas e confessou, ainda, que há mais de 8 anos faz uso dessa substância.

A conduta adotada pelo motorista constitui o crime de porte de drogas, (Lei 11.343/06) - Art. 28, que criminaliza quem adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.