Em Carutapera

Homem é morto pela polícia após assassinar jovem a golpes de facão

O autor do homicídio foi baleado pela PM, após tentar agredir os policiais.
Imirante.com06/08/2019 às 17h56
Homem é morto pela polícia após assassinar jovem a golpes de facãoO crime aconteceu por volta das 7h, no Porto do Santo Antônio, em Carutapera. (Arte: Imirante.com)

CARUTAPERA – Na manhã desta terça-feira (6), dois homens morreram na cidade de Carutapera, interior do Maranhão. Um foi morto a golpes de facão e o outro morreu em confronto com a polícia.

Segundo informações da Polícia Militar, a primeira vítima foi João Batista Corrêa de Oliveira, 26 anos, o qual foi assassinado com vários golpes de facão na região cervical. O crime aconteceu por volta das 7h, no Porto do Santo Antônio, em Carutapera. Ainda de acordo com a polícia, o autor do homicídio foi Jorge Kelison Moreira Nunes, de 30 anos.

Segundo a PM, a guarnição foi informada de que no hospital local de Carutapera encontravam-se múltiplos feridos, vítimas de Jorge Kelison Moreira. Quando a guarnição se deslocava ao hospital, foi informada de que o suspeito das agressões estaria na travessa Santo Antônio, bairro Santo Antônio, empunhando dois facões e já tinha ceifado a vida de João Batista Corrêa de Oliveira.

A PM foi ao local e realizou o cerco, determinando que Jorge Kelison largasse os facões e se entregasse, mas as ordens policias foram ignoradas, tendo o agressor partido para cima da guarnição, instante em que foi efetuado um disparo de arma de fogo que atingiu a perna de Jorge Kelison.

O homem foi socorrido e levado ao hospital, mas acabou indo a óbito, pois, o tiro atingiu a veia femoral, causando grande perda de sangue.

Ainda de acordo com a polícia, suspeita-se que Jorge Kelison Moreira Nunes tinha problemas mentais e surtou, tirando a vida de João Batista Corrêa de Oliveira e ferindo outras pessoas.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.