Atendimento

Detran-MA anuncia medidas para agilizar exames práticos no Maranhão

Soluções visam melhorar o atendimento diante da alta demanda por Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
Imirante.com17/11/2021 às 06h57
Detran-MA anuncia medidas para agilizar exames práticos no MaranhãoReunião realizada pelo Detran-MA com representantes das autoescolas maranhenses. (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS - O diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA), Francisco Nagib, anunciou, nessa terça-feira (16), melhorias em serviços que visam atender a alta demanda de candidatos por Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no Maranhão. O anúncio foi feito durante reunião para debater pleitos com representantes das autoescolas maranhenses, na sede do Departamento, na Vila Palmeira, em São Luís e após a greve dos servidores.

Leia mais:

Servidores do Detran-MA entram em greve exigindo reajuste e valorização

Servidores do Detran acusam governo de manobra política no órgão

Francisco Nagib anunciou como medidas para agilizar os exames práticos de direção veicular e o atendimento à demanda por CNH a ampliação em mais uma hora de trabalho dos examinadores de segunda a sexta-feira para aplicação dos Exames Práticos de Direção Veicular; realização de mutirões de exames práticos aos sábados, já programados para os dias 20 e 27 de novembro e 4, 11 e 18 de dezembro; e contratação de mais 15 examinadores.

Sobre o sistema on-line do Detran-MA, o diretor-geral informou que para solucionar as constantes lentidões, será implantada a plataforma Detran Net, que agilizará e ampliará o número de acessos simultâneos de 400 usuários para 10 mil. Novo sistema começa a operar em dezembro deste ano.

“Durante a pandemia, tivemos que paralisar nosso atendimento por alguns períodos, mas as autoescolas continuaram com suas atividades, e isto acabou gerando acúmulo de candidatos e uma demanda reprimida atual de cerca de 13 mil exames práticos. Normalmente, disponibilizamos 12 mil vagas para os exames práticos, só que ainda assim, com o acúmulo, não estamos conseguindo atender esta demanda”, explicou Francisco Nagib.

Para que essas estratégias de atendimento da demanda funcionem plenamente, Francisco Nagib solicitou que os proprietários de autoescolas ajudem, reduzindo os altos índices de reprovação de candidatos, o que também contribui para o acúmulo de demanda, o que eles concordaram.

O presidente do Sindicato das Autoescolas do Estado do Maranhão (Sindauma), Jefferson Campos, agradeceu o diálogo e o atendimento aos pleitos da categoria.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.