AstraZeneca

Estados brasileiros começam a receber vacina de Oxford

No Maranhão, pacientes que fazem radioterapia, quimioterapia e hemodiálise devem entrar no grupo prioritário.
Imirante.com, com informações da Agência Brasil24/01/2021 às 12h36
Estados brasileiros começam a receber vacina de OxfordA Anvisa confirmou a eficácia global do imunizante da AstraZeneca em 70,42% (Foto: Agência Brasil)

BRASÍLIA - Os Estados brasileiros começaram a receber as doses da vacina de Astrazeneca/Oxford, chegadas na sexta-feira (22). As doses fazem parte do lote fabricado pelo Instituto Serum, da Índia, e têm uso emergencial autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Anvisa confirmou a eficácia global do imunizante em 70,42%, validando estudo publicado no início de dezembro pela revista científica The Lancet. A eficácia mede a taxa de sucesso na prevenção da covid-19 comparada a quem recebeu placebo (medicamento inócuo).

Assim como as 487 mil doses da vacina Coronavac recebidas na semana passada, as vacinas AstraZeneca/Oxford serão destinadas ao público prioritário, segundo orientação do Ministério da Saúde.

Maranhão

Por meio de rede social, o governador do Maranhão, Flávio Dino, informou que além dos profissionais de saúde, também devem tomar a vacina, nesta fase, os pacientes em tratamento com radioterapia, quimioterapia e hemodiálise, por estarem expostos em rotinas hospitalares.

Amazonas

Também na noite deste sábado (23), o governador do Amazonas, Wilson Lima, acompanhou no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes a chegada de um lote de 132,5 mil doses da vacina da AstraZeneca. Ainda neste domingo deve chegar ao estado mais um lote de 44 mil doses do imunizante. “Com isso vamos vacinar todos os idosos acima de 60 anos de idade e todos os profissionais de saúde”, explicou o governador, ao lado do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. O estado terá 5% das vacinas, devido a acordo proposto pelo Ministério da Saúde e aceito pelos governadores.

Segundo o governador, a rede de distribuição está preparada para levar as doses a partir desta segunda-feira aos municípios. “Nós já nos preparamos com nossa rede de distribuição, organizada de acordo com os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde".

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.