De braços cruzados

Trabalhadores dos Correios aprovam continuidade da greve

Paralisação completa 7 dias e expectativa é pela ampliação da greve da categoria.
Imirante.com, com informações do FINDECT24/08/2020 às 15h21
Trabalhadores dos Correios aprovam continuidade da greveA paralisação foi deflagrada no último dia 17. (Foto: Reprodução)

BRASIL - Os funcionários dos Correios aprovaram a continuidade da greve em todo os país. A paralisação foi deflagrada no último dia 17. Em assembleias realizadas de forma virtuais por diversos sindicatos, os trabalhadores decidiram manter a paralisação para pressionar pela manutenção de cláusulas do acordo coletivo da categoria.

Segundo a Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (Findect), a direção da ECT propõe a retirada de 70 cláusulas nas quais previam direitos importantes da categoria. Confira abaixo algumas delas:

Vale alimentação
Vale cultura
Licença maternidade de 180 dias
Auxílio creche
Indenização de morte
Auxílio para filhos com necessidades especiais
Pagamento de adicional noturno
Horas extras.

A Findect reúne os sindicatos dos Estados do Maranhão, São Paulo, Rio, Bauru e Tocantins. Ainda segundo a federação a entidade representa 50% do efetivo nacional e 60% do fluxo postal nacional.

Em nota, os Correios afirmam que "têm preservado empregos, salários, e todos os direitos previstos na CLT, bem como outros benefícios dos funcionários".

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.