Naufrágio em Ilhabela

Marido de Caroline Bittencourt será indiciado por homicídio culposo

Modelo morreu no dia 28 de abril, ao cair de uma lancha em Ilhabela.
Imirante.com06/05/2019 às 21h35
Marido de Caroline Bittencourt será indiciado por homicídio culposoJorge Sestini e Caroline Bittencourt. (Reprodução / Instagram)

SÃO PAULO - A Polícia Civil de São Paulo informou, na noite desta segunda-feira (6), que o empresário Jorge Sestini, marido da modelo Caroline Bittencourt, será indiciado por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar. Caroline morreu no dia 28 de abril, ao cair de uma lancha durante um vendaval em Ilhabela, litoral norte de São Paulo.

Responsável pelo inquérito, o delegado Vanderlei Pagliarini optou pelo indiciamento de Jorge Sestini após ouvir o dono da marina de onde a embarcação do casal partiu e o marinheiro que fez o resgate do empresário. De acordo com Pagliarini, há indícios de conduta culposa de Jorge, que, mesmo alertado sobre o mau tempo, optou pelo passeio de barco.

“Sabedor do mau tempo que assolava naquele momento a região, especialmente para quem se encontrava a bordo de embarcações de pequeno porte, expressamente advertido a esse respeito, resolveu por lançar-se ao mar, não providenciando ao menos que a vítima utilizasse um colete salva-vidas, como lhe competia, negligência indiscutível que remete aos fundamentos dos delitos culposos”, afirmou o delegado no documento.

Jorge Sestini deve ser intimado para depor, em dia a ser definido, e a Marinha confirmou a instauração de inquérito para apurar o acidente. A pena por homicídio culposo é de um a três anos de detenção.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.