Para uso medicinal

Anvisa quer regulamentar cultivo de maconha ainda este ano

Medida pode ser tomada no fim do mês de agosto.
Imirante.com23/07/2017 às 10h50

BRASIL - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) quer dar o pontapé incial para o processo de regulamentação do cultivo de maconha (Cannabis) para fins medicinais no Brasil. Segundo o órgão, o processo para que seja feita a regulamentação da planta deve ocorrer ainda em 2017, no fim do mês de agosto.

Vale lembrar que a Anvisa já liberou o uso do primeiro medicamento feito à base de maconha no país, o tão comentado Canabidiol. A regulamentação visa dar mais um passo em relação ao uso de medicamentos derivados da planta.

Segundo informações da Folha de S. Paulo, a primeira fase do processo para criação das normas de regulamentação da maconha ainda deverá ser liberado pelos diretores da Anvisa. A Agência se reuniu, recentemente, com órgãos como Ministério da Justiça e Polícia Federal e coletou informações de países onde a regulamentação já existe, como Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, Holanda e Israel.

A regulamentação não prevê cultivo liberado para a população em geral, nem para uso recreativo da substância. A liberação será feita somente para cultivo em laboratórios públicos, empresas farmacêuticas e pesquisa em universidades, devendo ter o acompanhamento obrigatório de órgãos de segurança e reguladores.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.