Política

Em reunião do Conselhão, Michel Temer defende reformas

O presidente explicou a importância das reformas e falou em proteção aos direitos.
Imirante.com, com informações do Portal Brasil21/11/2016 às 23h22

BRASÍLIA - Durante a primeira reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o Conselhão, o presidente da República, Michel Temer, defendeu as reformas fiscais e da previdência. Temer explicou que essas medidas são importantes para o País superar a recessão, crescer e voltar a gerar empregos.

“Se nós prosseguirmos no ritmo (de gastos) que vínhamos, em 2024 teríamos que fechar as portas do Brasil para balanço”, afirmou o presidente. Segundo ele, a dívida bruta ultrapassaria ou empataria com o PIB. “Não teríamos mais como gastar um centavo sequer”, observou.

Ele ainda ponderou que a previdência também faz parte desse cenário e que a reforma que será proposta pelo governo respeitará o direito adquirido e se pautará pelo princípio da equidade. “Nós vamos tratar de obedecer o direito adquirido e vamos tratar todos com igualdade. Esta é uma determinação da Constituição”, frisou.

Temer afirmou, ainda, que se faz necessária uma ampla reforma para a previdência, que a torne sustentável e que permita o Brasil crescer sem desequilíbrios. Essas mudanças, observou, vai preservar os direitos das pessoas e vai trazer equidade entre todos os setores, seja no setor público no privado, ou na atividade política.

“O Brasil não pode viver com a autocomplacência”, disse. “Nossa orientação é clara, nós temos que responder a urgência das reformas, colocar o Brasil de volta nos trilhos”, defendeu o presidente.

Conselhão

O Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) é um colegiado composto por representantes da sociedade civil. Esse grupo tem a missão de fazer o assessoramento direto do presidente da República. É o único conselho que trata de todas as áreas de atuação do Poder Executivo.

Os conselheiros constituem um fórum qualificado para discutir políticas públicas e propor medidas que estimulem o desenvolvimento do País.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.