Mudança

Ministério divulga cronograma para desligamento da TV analógica

De acordo com Ministério, portaria faz um ajuste no cronograma levando em consideração os grandes eventos que ocorrerão no país até 2018.
Sabrina Craide / Agência Brasil25/01/2016 às 15h15

BRASÍLIA - O Ministério das Comunicações divulgou nesta segunda-feira (25) um cronograma de transição do sinal de TV analógico para o digital no Brasil. Segundo a portaria publicada no Diário Oficial da União, o desligamento do serviço analógico vai começar com projeto-piloto na cidade goiana de Rio Verde no dia 15 de fevereiro. Em outubro, Brasília e cidades do entorno do Distrito Federal vão fazer a transição.

No decorrer de 2017 será a vez de todas as capitais da Região Sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Vitória), além de Goiânia, Salvador, Recife e Fortaleza. Outras cidades do Estado de São Paulo e do Nordeste passarão pela mudança no próximo ano.

Em 2018, a transição para o sinal de TV digital vai incluir as capitais e outras cidades das Regiões Sul, Centro-Oeste e Norte, todo o interior dos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo. O Ministério das Comunicações vai publicar portarias com a relação dos demais municípios afetados pela transição para o sinal digital.

De acordo com o Ministério, a portaria faz um ajuste no cronograma de implantação da TV digital levando em consideração os grandes eventos que ocorrerão no país até 2018, como as Olimpíadas este ano e as eleições para presidente, daqui a dois anos.

A portaria determina aumento na divulgação que as redes de televisão terão de fazer para avisar os telespectadores sobre o desligamento. A campanha de alerta terá início um ano antes da data prevista para a transição em cada cidade.

O documento mantém como condição para o desligamento da TV analógica que 93% dos domicílios do município tenham garantida a recepção do sinal digital.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.