Bacabal

Mantida sentença de condenados por assalto e estupro

05/11/2009 às 17h19

SÃO LUÍS - A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça manteve, nesta quinta-feira, 5, decisão de 1º grau que condenou Francisco de Assis Silva Carneiro e Antonio Mariano Moreira de Oliveira Junior a 11 anos e 4 meses de reclusão, por assalto seguido de estupro, em setembro de 2001, no município de Bacabal.

O relator, desembargador José Bernardo Rodrigues, negou provimento ao recurso ajuizado pelo denunciado, de acordo com parecer da Procuradoria Geral de Justiça.

Os desembargadores Raimundo Nonato de Souza (presidente da 2ª Câmara Criminal) e Maria dos Remédios Buna (revisora do processo) também votaram pelo improvimento da apelação criminal.

De acordo com os autos, os denunciados, acompanhados de um menor armado com faca, assaltaram dois namorados numa avenida da cidade e ordenaram ao casal que se despisse. Em seguida, levaram as vítimas a um matagal.

Segundo a denúncia do Ministério Público, Francisco obrigou a moça a manter relações sexuais com ele, enquanto os outros dois seguravam o namorado dela.

Os denunciados ainda roubaram a bicicleta do rapaz e as roupas do casal.

As informações são do Tribunal de Justiça

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.