SÃO LUÍS
Buracos na Cidade Operária

Crateras crescem na Cidade Operária

  •  
  •  

A situação piora quando chove, pois a água infiltra em uma calçada que sustenta um poste.

0
Para retardar o avanço da cratera, moradores colocaram entulhos.
Para retardar o avanço da cratera, moradores colocaram entulhos. - klicya Nogueira / Imirante.com

SÃO LUÍS- Os moradores da Rua 13, na Unidade 205 da Cidade Operária, sofrem há mais de um mês por causa de crateras que tomam parte da via. Os buracos comprometem a passagem dos veículos, pedestres e principalmente das crianças que precisam da rua para acessar uma escola na localidade.

Segundo os moradores, o descaso se agravou depois que a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), iniciou uma obra na rua, quebrou pedaços do asfalto e nunca mais retornou ao local. Deixando as crateras a céu aberto.

Conforme o que foi apurado, o problema também afeta as casas. Há infiltrações, e o engarrafamento é comum, já que os buracos estão um de cada lado da via, atrapalhando o fluxo de veículos. “Já pensou se um carro passar por aqui e o pneu dianteiro cai no buraco? Com certeza vai gerar um acidente”, completou Júlio, morador do bairro. Para retardar o avanço da cratera, moradores colocaram entulhos.

A situação piora quando chove, pois a água infiltra em uma calçada que sustenta um poste, sendo esta uma das preocupações dos moradores. “A qualquer momento esse poste pode cair em cima da escola”, afirmou José Rodrigues, dono de uma escola na rua.

Por meio de nota, a Caema afirma não ser responsável pela obra no local.

Veja a nota na íntegra

Caros, a Caema não tem obras naquela região da cidade, sendo assim, não procede que existe uma obra da companhia neste local.

O Imirante entrou em contato com a Prefeitura de São Luís, e estamos aguardando algum posicionamento sobre a situação.

Leia outras notícias em imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, Snapchat, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no YouTube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2383.

plantão i

    enquete

    VOTE QUANTAS VEZES QUISER!

    Qual a melhor situação para despertar a preservação do meio ambiente?

    PARTICIPAR VER PARCIAL

    redes sociais