Edição Digital

Polícia | Violência sexual

Pastor é denunciado por abuso sexual de criança em Alto Alegre

Acusado que foi denunciado ao Conselho Tutelar da cidade pela avó da vítima; ele estava com prisão decretada pela Justiça
Ismael Araújo14/07/2018

ALTO ALEGRE - O pastor de uma igreja evangélica e comunicador, José Gonçalo dos Santos Frazão, O Pastor Frazão ou Canela de Fogo, ainda nesta sexta-feira era mantido preso em uma das celas da delegacia de Polícia Civil de Alto Alegre, acusado de aliciar uma criança, nessa cidade.

O detido, segundo a polícia, comanda uma igreja em Alto Alegre e tem um programa de rádio. Muitos fiéis e moradores estavam revoltados com o fato. A polícia informou que Frazão tinha sido preso na quinta-feira em cumprimento a uma ordem judicial.

Ainda de acordo com a polícia, a avó da vítima disse a uma professora da cidade que Frazão havia tocado nas partes íntimas da sua neta. O fato foi comunicado ao Conselho Tutelar de Alto Alegre do Maranhão e os conselheiros denunciaram o pastor para o Poder Judiciário.

Mais prisão

Também continua presa o travesti Tyfanni Sandes Dutra, na Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz. Segunda a polícia, ele é acusado de assassinar um outro travesti, na cidade de Araguaína, no Tocantins, no início do ano passado. Ele foi preso na quinta-feira, em Imperatriz.

Em Timon foi presa Cleonice Feitosa Cunha, a Índia, em cumprimento a uma ordem da justiça por sentença condenatória de 4 anos de reclusão pelo crime de tráfico de droga. O delegado Cláudio Mendes informou, ainda, que esse crime foi cometido na Vila Bacanga, em São Luís.

Já em São Luís, foi preso nesta sexta-feira, 13, Edmilson Viana Ribeiro Júnior, o Júnior Peste, também em cumprimento a uma ordem judicial. Segundo a polícia, o detido faz parte de um bando especializado em roubo de veículos na Ilha. Um dos alvos desses quadrilheiros foi uma locadora de veículos.

Também nesta sexta-feira, uma guarnição da Polícia Militar prendeu Bruno Verde Pereira Nascimento, de 19 anos, na Cidade Olímpica. O major Marcelo, comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar, informou que o detido, em companhia de mais quatro criminosos, teria assaltado um ônibus, que faz linha Residencial Tiradentes, nessa localidade.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.