Sétima Arte

Cinema francês nas telonas da Ilha

  •  

Festival Varilux de Cinema Francês está em cartaz no Cine Lume no Cinépolis; exibições prosseguem até o dia 20 deste mês e evento ocorre em 60 cidades do Brasil

0
O Poder de Diane é um dos filmes em cartaz
O Poder de Diane é um dos filmes em cartaz

SÃO LUÍS -O Festival Varilux de Cinema Francês 2018 que ocorre em cerca de 60 cidades em todo o Brasil também está em cartaz em São Luís no Cine Lume (Renascença) e no Cinépolis (São Luis Shopping). A maratona de filmes segue até o dia 20 deste mês. O evento, que no ano passado conquistou o ranking de maior festival francês do mundo, em 2018 exibe, ao todo, 20 longas-metragens da nova safra da cinematografia francesa. Produzido pela Bonfilm, o evento trouxe para o Cine Lume os filmes “A Excêntrica Família Gaspard”, “O Poder de Diane”, “Marvin” e “O amante duplo”. Já no Cinépolis estão em exibição “Custódia” e “O retorno do heroi”.

Tendo no elenco Félix Moati, Laetitia Dosch, Christa Théret, Marine Foïs, Johan Heldenbergh e Guillaume Gouix, “A Excêntrica Família Gaspard” é uma comédia e conta a história de Gaspard que, depois de ficar afastado durante anos, se reencontra com a família após o anúncio do casamento do pai. Acompanhado de Laura, uma moça extravagante, que aceita fingir ser sua namorada durante o casamento, ele se sente pronto para pisar, novamente, no zoológico familiar e rever os animais que o viram crescer. Mas entre um pai mulherengo, um irmão sensato demais e uma bela irmã, ele não tem consciência de que está prestes a viver os últimos dias de sua infância.

Sem tentar ser moralista, “O Poder de Diane” usa o pretexto da barriga de aluguel para falar dos novos códigos de casais e da ruptura dos modelos familiares. Sem hesitação, Diane aceitou carregar o filho de Thomas e Jacques, seus melhores amigos. É nessas circunstâncias, não muito ideais, que ela se apaixona por Fabrizio.

“Marvin” traz o retrato fragmentado e comovente de um jovem que consegue ir além do espelho a partir da história do personagem que está em fuga de seu vilarejo, da tirania do pai, da renúncia da mãe e por último da intolerância, rejeição, humilhações as quais era exposto por tudo que faziam dele um rapaz “diferente”. Fora, ele descobre o teatro e aliados que, finalmente, vão permitir que sua história seja contada por ele mesmo.

Um suspense de terror sobre o tema do gêmeo maligno é o pretexto para um novo estudo da mulher. Chloé, uma jovem frágil, se apaixona por seu psicoterapeuta. Alguns meses depois, eles vão morar juntos, mas ela descobre que seu amante lhe escondeu um outro lado de sua identidade.

Já no Cinépolis as pedidas são “Custódia”, que narra a história de Miriam e Antoine Besson que se divorciaram e Miriam, que está procurando a custódia exclusiva de seu filho Julien, para protegê-lo de um pai que ela afirma ser violento. Antoine defende seu caso como um pai desprezado e a juíza decide a favor da custódia compartilhada. Refém do crescente conflito entre seus pais, Julien é levado ao limite para evitar que o pior aconteça. O filme levou o Prêmio de Melhor Direção e Melhor Primeiro Filme no Festival de Veneza.

“O retorno do herói” fala sobre Elisabeth, uma jovem alinhada, séria e honesta e o capitão Neuville, covarde, desleal e sem escrúpulos. Ela o detesta. Ele a despreza. Mas fazendo dele um herói de opereta, ela se torna, sem querer, responsável por uma farsa que logo a arrebatará. l

Serviço

O quê

Festival Varilux de Cinema Francês

Quando

Até 20 deste mês

Onde

Cine Lume ((avenida Colares Moreira, s/n, Ed. Office Tower - Renascença II) e no Cinépolis (São Luís Shopping – Jaracati)

Sessões

Cine Lume

A Excêntrica Família de Gaspard - Sessões. 14h30.

O Poder de Diane - Sessões. 16h45.

Marvin - Sessões. 19h.

O Amante Duplo - Sessões. 21h20.

Cinépolis

Custódia – Sessões. 19h.

O retorno do herói – Sessões. 21h30.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.