Literatura

Coleção revisita clássicos em edições especiais e limitadas

  •  

Os escolhidos prestam homenagens a grandes mulheres da literatura mundial em edições de capa dura para colecionadores

0
Foto: Divulgação

Livros clássicos são celebrados por críticos, acadêmicos e amantes da literatura como leituras quase obrigatórias para entender diferentes épocas e contextos sociais, além de nos fazerem viajar e entrar na vida dos personagens. Pensando nisso, a Nova Fronteira lançou a coleção Clássicos de Ouro, que revisita grandes clássicos do catálogo histórico da Ediouro em edições especiais e limitadas de vários gêneros da literatura. Lançada em janeiro de 2017, a coleção teve 18 lançamentos no ano passado, entre eles "Os mandarins", "Dez dias que abalaram o mundo" e "A guerras dos mundos".

Os clássicos escolhidos para esse início de ano prestam homenagens a grandes mulheres da literatura mundial em edições de capa dura para colecionadores. São eles:

Orlando, Virginia Woolf

A Obra em Negro é um dos textos mais elaborados e instigantes de Marguerite Yourcenar, a primeira mulher eleita à Academia Francesa de Letras na história. O livro, ganhador do Prêmio Femina, em 1968, com voto unânime do júri, volta às prateleiras das livrarias brasileiras por meio da coleção Clássicos de Ouro.

A história é sobre o herói Zênon, que, renegando sua formação religiosa, abre mão de um futuro estável como membro da Igreja para se dedicar à descoberta das profundezas do ser humano em todas as esferas, tornando-se médico, alquimista e filósofo. Ele passa a ser perseguido pela Igreja por conta das suas atividades científicas e senso crítico. Os processos de alquimia no livro são um símbolo para a transformação interior que o protagonista sofre. A autora se inspirou em cientistas famosos como Copérnico e Leonardo da Vinci para criar Zênon e suas ideias.

Especificações Técnicas:

Autor: Marguerite Yourcenar
ISBN: 9788520941706
Páginas: 336
Formato fechado: 15,5 x 23 cm
Preço: R$59,90

Orgulho e Preconceito, Jane Austen

Orgulho e Preconceito é um dos romances mais populares da literatura. Este clássico de Jane Austen já vendeu mais de 20 milhões de cópias em todo o mundo e atravessa gerações encantando leitores com seus personagens memoráveis. A edição da Clássicos de Ouro conta com a tradução do prestigiado escritor Lúcio Cardoso e traz ainda um prefácio assinado por Raquel Sallaberry Brião, uma das maiores conhecedoras de Jane Austen no Brasil.

A autora inglesa nasceu no século XVIII e desde pequena já demonstrava seus dons para a escrita desenvolvendo contos, peças e romances. Austen ficou conhecida pela a habilidade de elaborar personagens feministas complexas, tratando sobre temas de sexualidade, feminismo e outras questões sociais e gênero.

Em Orgulho e Preconceito, a jovem determinada Elizabeth Bennet lida com problemas de educação, cultura, moral e, principalmente, a pressão de se casar. Um dia, ela conhece o rico e orgulhoso Mr. Darcy por quem ela desenvolve uma relação de amor e ódio, trazendo muito drama para o romance. O livro é fonte de inspiração para diversas obras e já teve várias adaptações para o cinema e para a televisão — como a novelaOrgulho e paixão, nova aposta da Rede Globo.

Especificações Técnicas:

Autora: Jane Austen
ISBN: 9788520942079
Formato fechado: 15,5 x 23 cm
Páginas: 376
Preço: R$ 49,90

A Força da Idade, Simone de Beauvoir

Dedicada às memórias de Simone de Beauvoir, a editora Nova Fronteira lança a autobiografia de uma das maiores intelectuais francesas da História. A força da idade é uma narrativa que talvez seja a mais intensa e reflexiva da autora e entra para a coleção Clássicos de Ouro como título exclusivo da editora. A nova edição conta com um prefácio inédito da famosa antropóloga brasileira Miriam Goldenberg.

Simone de Beauvoir nasceu em Paris em 9 de janeiro de 1908. Lecionou filosofia na mesma universidade em que estudou, Sorbonne, sendo demitida pelos nazistas. Entre os romances, ensaios e livros de memórias, ela lançou mais de vinte obras e é reconhecida como um dos maiores ícones do existencialismo e do feminismo.

A força da idade compreende período bastante decisivo em sua trajetória constituindo-se num relato dos anos de sua aproximação com a filosofia, o encontro com Jean-Paul Sartre e a eclosão da guerra em 1939 – acontecimentos que terminam por influenciar a formação literária, filosófica e política da escritora. Nesse cenário de agitação internacional, Beauvoir faz um retrato da sua época e traduz suas motivações e inspirações que a levaram a escrever seus primeiros livros. A obra é um relato indispensável para entender o mundo em que vivemos hoje, através do olhar apurado e distinto dessa grande personalidade que é Simone de Beauvoir.

Especificações Técnicas:

Autora: Simone de Beauvoir
ISBN: 9788520942062
Formato fechado: 15,5 x 23 cm
Páginas: 576

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.