Vida | Saúde

Saiba mais sobre os mitos e verdades do câncer de ovário

Doença, que deve acometer mais de seis mil mulheres este ano, segundo o Inca, é uma das mais difíceis de se identificar, pela falta de sintomas
14/11/2017

SÃO PAULO - A morte da atriz Márcia Cabrita, vítima do câncer de ovário, na última sexta-feira, atenta para a importância do diagnóstico precoce do câncer de ovário. A doença deve acometer mais de seis mil mulheres este ano, segundo projeções do Instituto do Câncer (Inca).
O câncer de ovário é um dos mais difíceis de se identificar, pela falta de sintomas e de exames de rotina capazes de descobrir a doença com precisão em estágios iniciais. Por isso, é o tipo de câncer com menor sobrevida nas mulheres. Veja a seguir mitos e verdades sobre a doença:

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2018 - Todos os direitos reservados.