Mercado da bola

Alvo do Peixe, Robinho revela diálogo de permanência no Galo

  •  
  •  

Robinho, que ganhou moral com Oswaldo de Oliveira é alvo do Santos e do Orlando City dos EUA

0
Robinho disse que tem a intenção de seguir no Galo
Robinho disse que tem a intenção de seguir no Galo (Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Belo Horizonte - Há três meses, a sequência de Robinho no Atlético era difícil de imaginar. O atleta estava no banco de reservas e aparentemente insatisfeito. A chegada de Oswaldo Oliveira, no entanto, deu ânimo novo e ele voltou a ser um dos principais jogadores do grupo – vivendo seu melhor momento no ano, com, inclusive, dois gols sobre o Bahia, no empate por 2 a 2, nesse domingo, na Arena Fonte Nova. O novo tempo deu ao jogador a oportunidade de negociar sua permanência em Belo Horizonte.

“Teve uma conversa muito boa entre eu e a diretoria, com minha advogada (Marisa Alija) também. Acho que a gente está aí caminhando para um bom final. Agora, é ter paciência”, destacou Robinho em entrevista à rádio Itatiaia

Robinho é alvo do Santos e do Orlando City dos EUA. O clube paulista deseja ter o jogador desde seu retorno do futebol chinês, entretanto, não quer gastar tanto para contar com o atleta. Já o clube da América do Norte fez consultas pelo jogador. O camisa 7, porém, ressaltou o desejo de ficar em BH.

“(Vou) Ficar mais dez anos, dez (risos). Vou ficar aqui, quentinho, gostosinho, comida boa, feijão tropeiro, frango com quiabo. Vou ficar aí. Tranquilo. O objetivo é terminar o ano bem, melhorar nessas rodadas que faltam. Graças a Deus, me adaptei muito bem à cidade, ao clube. A tendência é essa (ficar)”, finalizou.

Críticas para arbitragem

No segundo gol marcado pelo Bahia, os jogadores atleticanos reclamam de alguma irregularidade e o jogo ficou parado por alguns minutos para as reclamações. O meia-atacante, Robinho, reclamou da postura da arbitragem e lamentou.

“Dificilmente falo da arbitragem, nem vi o lance, nem reclamei até por estar pendurado, mas eles são confusos, mal preparados, o critério não é o mesmo”, criticou o camisa 7 em entrevista ao canal SporTV.

Ele ainda disse que o Galo precisava vencer para ficar mais próximo da vaga na Copa Libertadores.

“Fizemos um grande jogo, as duas equipes buscaram o gol o tempo inteiro, a gente queria ganhar, pontuar mais, ficar próximo da briga pela Libertadores, todos buscaram, todos deram o máximo”, finalizou.

No lance criticado por Robinho, a arbitragem teve atitude correta ao validar o tento de Edigar Junio, pois o atleta saiu atrás da linha de defensores e desviou a bola de cabeça.

O Galo volta a campo contra o Vasco, na próxima quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Rio de Janeiro e terá o reforço de quatro titulares.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.