Pânico

Bandidos criam pânico na cidade após assalto

  •  
  •  

Dupla enfrenta a polícia durante perseguição, provoca colisões na Avenida Guajajaras envolvendo vários veículos, mas acaba presa; três militares saíram feridos

0
Caminhonete usada pelos bandidos Michel Cristian e Walisson Henrique capotou na Avenida Guajajaras
Caminhonete usada pelos bandidos Michel Cristian e Walisson Henrique capotou na Avenida Guajajaras (Foto: Flora Dolores / O ESTADO)

SÃO LUÍS - Bandidos mais uma vez conseguiram instalar o pânico em São Luís. Dois criminosos, identificados como Michel Cristian Santiago Moraes, de 23 anos, e Walisson Henrique Oliveira da Silva, de 24 anos, no começo da tarde de ontem, assaltaram uma floricultura, nas proximidades do terminal rodoviário, no bairro do Santo Antônio e no momento da fuga, sequestraram o proprietário do estabelecimento, Juraci Macedo, de 60 anos, roubaram seu veículo, uma Hilux prata de placas OXT-2786, e ainda trocaram tiros com policiais militares. A confusão acabou deixando o trânsito engarrafado na Avenida Guajajaras, nas proximidades do bairro do João de Deus. Três soldados da Polícia Militar ficaram feridos e quatros veículos danificados.

“Eu que estou com receio de ser assaltado mais uma vez, pois os bandidos foram presos, mas logo estão livres e voltam a roubar na cidade”, desabafou Juraci Macedo. Ele declarou ainda que estava com sua esposa em seu estabelecimento comercial quando foi abordado pelos assaltantes. Ele disse que os assaltantes agiram com muita violência.

Os criminosos, portando arma de fogo, fizeram um ‘raspa’ dentro da floricultura e levaram a renda do dia. No momento da fuga, eles colocaram o empresário dentro da Hilux e o liberaram na Avenida Santos Dumont, no bairro São Cristóvão. “Até o momento, estou muito nervoso devido ter passado por todo esse momento de pânico”, afirmou Juraci Macedo.

Tiroteio

O soldado Jonatas, do Grupo Tático Móvel (GTM) do 9º Batalhão da Polícia Militar, disse que a Hilux prata foi interceptada pela guarnição na Avenida Santos Dumont ainda no São Cristóvão. Os criminosos, ao perceberem que estavam sendo perseguidos pela polícia, começaram a atirar em direção aos militares.

Houve troca de tiros em plena via pública e os bandidos mais uma vez foram interceptados pela polícia, na Avenida Guajajaras, nas proximidades do bairro do João de Deus. Ainda de acordo com o soldado, nessa localidade, os assaltantes conseguiram colidir a Hilux na viatura da Polícia Militar e em outro veículo, um Pálio prata, de placas OIX-6003, e capotou em seguida.

A viatura da PM devido ao choque com a caminhonete acabou colidindo de forma lateral em um coletivo, da empresa Viper, Cidade Olímpica via São Francisco. Os policiais sofreram lesões leves e foram levados para o Hospital do Servidor, na Cidade Operária.

Os dois assaltantes foram presos e conduzidos para a Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), na Vila Palmeira. Em poder dos bandidos, a polícia apreendeu um revólver calibre 38 e uma pistola 765. O delegado Jeffrey Furtado, afirmou que os conduzidos foram autuados pelos crimes de roubo qualificado com concurso de pessoas e uso de arma de fogo. Walisson Oliveira, inclusive, já tem passagem pela polícia por roubo.

Saiba mais

Os criminosos Gilberto Santos Almeida Filho, de 28 anos, e Carlos Jorge Reis Machado, de 26 anos, tomaram um veículo Fiat Uno vermelho, de placas não identificadas, no bairro de Anil, e invadiram uma residência, localizada na Cohab-Anil, onde fizeram os moradores de reféns, na tarde de quarta-feira, 19. Eles foram presos e conduzidos para a DRFV.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.