Terrorismo

Policial e autor do ataque foram ambos mortos a tiros em Paris

  •  
  •  

Porta-voz policial, Johanna Primevert, disse que um homem atacou os policiais que faziam guarda perto da estação de metrô Franklin Roosevelt

0
Polícia fecha a avenida Champs Elysees, em Paris
Polícia fecha a avenida Champs Elysees, em Paris (Foto: AFP )

PARIS - Um homem armado matou um policial e feriu um segundo nesta quinta-feira, depois disso foi morto a tiros, informou a polícia de Paris. O episódio ocorreu no distrito de compras da avenida Champs-Elysées, na capital da França.

Uma porta-voz policial, Johanna Primevert, disse que um homem atacou os policiais que faziam guarda perto da estação de metrô Franklin Roosevelt, na noite desta quinta-feira, no centro da avenida popular entre os turistas.

O ataque ocorreu três dias antes da primeira rodada das eleições presidenciais da França. A segurança foi reforçada antes da disputa nas urnas, após a polícia prender dois homens na terça-feira que segundo as autoridades tramariam um ataque terrorista.

Uma emissora de televisão francesa que realizava um evento com os 11 candidatos interrompeu brevemente a transmissão para informar sobre o incidente.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.