Chuva de problemas

Setor de estabilização do Socorrão II fica alagado

  •  

Situação ocorreu na madrugada de ontem; fotos e vídeos foram feitos por médicos e compartilhados nas redes sociais, denunciando o problema; esta não é a primeira vez que uma unidade de saúde municipal é alagada

0
Setor de estabilização do Socorrão II fica alagado
Pelo corredor do hospital, onde já se acumulam macas, havia água (Foto: Divulgação)

As fortes chuvas que atingiram São Luís desde a madrugada de ontem causaram transtornos no Hospital de Urgência e Emergência Dr. Clementino Moura (Socorrão II), localizado na Santa Efigênia. Um setor da unidade ficou alagado, causando dificuldades no atendimento aos pacientes. Não é a primeira vez que uma unidade de saúde municipal passa pelo problema.

Durante a madrugada de ontem, a área de estabilização do Socorrão II foi invadida pela água da chuva. Segundo um dos médicos do hospital ouvido ontem por O Estado, a água que entrou na unidade veio da rua e alagou a ala onde são tratados os pacientes que chegam em estado mais grave.

Vídeos e fotos da situação foram feitos por médicos que trabalham no hospital e compartilhados nas redes sociais. As imagens mostram o piso do setor de estabilização submerso, situação que comprometia a locomoção das pessoas e, consequentemente, o atendimento aos pacientes. Por sorte, no momento em que a água entrou no local, nenhuma pessoa estava sendo atendida.

A Prefeitura de São Luís foi procurada por O Estado em busca de um posicionamento sobre o alagamento no Socorrão II de ontem, mas até o fechamento desta página nenhuma resposta foi recebida do Município.

Pacientes e acompanhantes tiveram de se proteger da água da chuva (Foto: Divulgação)

Reincidência
Não é a primeira vez que uma unidade de saúde do Município é invadida por água da chuva. Um triste e marcante episódio aconteceu em abril de 2015, quando o Hospital da Criança, no bairro da Alemanha, teve diversos setores cheios de água da chuva.

Vídeos foram feitos pelos pais e funcionários que estavam no hospital no momento, e o caso ganhou repercussão nacional. A água atingiu alguns leitos da unidade de saúde e crianças tiveram de ser transferidas para outros hospitais, como a Santa Casa de Misericórdia, para evitar um problema maior.

Na ocasião, a Prefeitura de São Luís informou que o problema havia ocorrido por causa da estrutura antiga do prédio.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.