Recorde

São Luís registra o maior volume de chuva desde 2015

  •  
  •  

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, foram 97,0 mm de chuva; capital registrou a menor temperatura deste ano, até agora

0
São Luís registra o maior volume de chuva desde 2015
Ruas e avenidas de São Luís ficaram alagadas (Foto: De Jesus / O ESTADO)

SÃO LUÍS - Desde maio de 2015 não chovia tanto em São Luís como nesta segunda-feira (9). Pelo menos é isso que mostram os dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), que registrou 97,0 mm acumulados entre 10h do dia 8 e 10h do dia 9 de janeiro deste ano, pelo horário de Brasília. De acordo com o levantamento, foi o maior volume de chuva acumulado em 24h de 2017 e desde o começo de maio de 2015, quando choveu 98,2 mm entre os dias 2 e 3 de maio.

O Inmet registrou registrou 64,0 mm em 2 horas. O maior volume de chuva caiu durante a madrugada de hoje. A quantidade correspondeu quase 40% da média de chuva para janeiro que é de aproximadamente 255 mm. Durante todo o mês de janeiro de 2016 choveu cerca de 200mm.

Além do recorde de volume de chuva, a temperatura na cidade também chamou a atenção. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a madrugada desta segunda-feira fez a mais fresca do ano até agora, com a temperatura mínima foi de 23,0°C, a menor de 2017.

LEIA TAMBÉM

Previsão é de chuva ao longo de todo o dia; transtornos em vários pontos da cidade

As áreas de instabilidade que provocaram a chuva intensa sobre São Luís também atingiram outras áreas do litoral do Maranhão e do estado vizinho, o Pará. Em Turiaçu, no litoral norte maranhense, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 94 mm de chuva acumulados entre 10h do dia 8 e 10h do dia 9 de janeiro de 2017, pelo horário de Brasília, 9h do dia 8 e 9h do dia 9 de janeiro, no horário local.

São Luís, Turiaçu e cidades do litoral do Pará estão entre os locais que receberam as chuvas mais volumosas no Brasil entre os dias 8 e 9 de janeiro de 2017.

Cidades com maior volume de chuva (Foto: Reprodução / Inmet)

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.