Saúde

Câncer é a doença mais temida pela população brasileira

  •  
  •  

Cerca de 65% dos brasileiros afirmaram que a doença é a maior preocupação quando o assunto é saúde, segundo levantamento

0
Foto: Reprodução

SÃO PAULO - O câncer é a maior preocupação de saúde para cerca de 65% dos brasileiros – com predominância entre mulheres (68%), enquanto as doenças cardiovasculares são a preocupação de 21% dos brasileiros, principalmente entre homens (23%). A incapacidade física ou os reumatismos foram citados por 8% dos entrevistados. Este é o resultado da pesquisa "Hábitos de Saúde do Brasileiro", conduzida pelo Instituto Datafolha, por solicitação da AbbVie, biofarmacêutica global.

Em caso de doença grave, a maior apreensão do brasileiro é "deixar a família em dificuldade financeira" (29%) na media, receio que vem antes do "medo de morrer" (25%) e de preocupação com custos de tratamento (24%). Segundo a pesquisa, o médico de família ou do posto de saúde mais próximo é uma das três fontes de informação mais confiáveis por 84% da população e a principal fonte de informação de quase 60% dos brasileiros. Amigos e parentes são a fonte de consulta predominante entre as classes D e E (73%), assim como a farmácia mais próxima (63%).

A chamada mídia tradicional (portais de notícias mais jornais e revistas impressas) é considerada fonte confiável para assuntos de saúde por 21% dos entrevistados, sendo que as redes sociais (como facebook) são consideradas confiáveis por 16% do total de entrevistados (12% entre os de maior escolaridade). Ferramentas online de busca (como Google) são consideradas fontes confiáveis de informação por 18% do total.

As universidades são consideradas o principal celeiro de descoberta de novos tratamentos por 55% dos entrevistados, chegando a 72% entre os de maior escolaridade (nível superior) e a 70% das classes A e B. A indústria farmacêutica é percebida como responsável pelos principais avanços terapêuticos por 23% e os governos, por 22% dos entrevistados.

Foram entrevistados 2.026 brasileiros, de 133 municípios de todo o país, no mês de agosto. Pouco mais da metade da população é composta pelo público feminino (52% vs. 48% masculino), tem média etária de 40 anos e parcela significativa possui até o nível médio de escolaridade (46%).

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.