Luto

Corpo de João Chiador será enterrado hoje no Jardim da Paz

A Prefeitura de São Luís decreta luto oficial de três dias.
Imirante.com07/08/2017 às 07h42
João Chiador (Flora Dolores/O Estado)

SÃO LUÍS – O corpo do cantador de bumba-boi João Chiador está sendo velado nesta segunda-feira (7) na capital maranhense. João Costa Reis morreu na tarde desse domingo (6), aos 78 anos, após sofrer uma parada cardíaca. Primeiramente, parente e amigos puderam se despedir do ícone da cultura maranhense na Pax União, no Centro. Ainda nesta manhã, o corpo segue para a Casa do Maranhão e depois para a sede do Boi de Ribamar.

O Governo do Maranhão divulgou nota de pesar ainda na noite de ontem:

O Governo do Maranhão lamenta profundamente o falecimento do poeta e cantador de toadas do bumba-meu-boi, João Chiador, uma das maiores referências da cultura popular maranhense.

João Chiador, que faleceu neste domingo (6/ago) aos 78 anos, ficou eternizado por toadas como “Cidade dos Azulejos” e “Nossa Senhora Mãe Aparecida”.

Neste momento de dor e perda, manifestamos nossas condolências aos familiares, amigos e admiradores do artista.

A Prefeitura de São Luís decretou luto de três dias. Leia a nota na íntegra:

A Prefeitura de São Luís decreta luto oficial de três dias pelo falecimento do poeta, compositor e cantador de bumba meu boi João Costa Reis, o João Chiador, um dos grandes nomes da cultura popular do Maranhão que morreu neste domingo (6), aos 78 anos.

João Chiador tinha mais de sessenta anos de carreira dedicados ao bumba meu boi do Maranhão. Conhecido pela voz marcante e grandes toadas, a exemplo de "São Luís Cidade dos Azulejos", Chiador foi cantador do Boi da Maioba, onde ficou por mais de três décadas, e integrava atualmente, desde os anos 1990, o Boi de Ribamar.

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior lamenta profundamente a morte deste símbolo da cultura popular maranhense e manifesta o seu pesar, se solidarizando com familiares e amigos, rogando a Deus que os conforte neste momento de dor e sofrimento.

João Chiador foi cantador do Boi da Maioba por 32 anos e estava no Boi de Ribamar desde 1993. Em 2016, já batalhando contra a diabetes e o mal de Alzheimer, Chiador sofreu um acidente vascular cerebral (AVC), foi internado no Hospital Carlos Macieira, mas se recuperou e voltou para casa. O corpo do cantador será enterrado na tarde desta segunda-feira (7), no Cemitério Jardim da Paz, na Estrada de Ribamar.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2017 - Todos os direitos reservados.