Vergonha

Cinco torcedores do Remo-PA são presos após confusão

A confusão aconteceu logo após o empate entre Sampaio e Remo- PA
Imirante.com04/07/2017 às 08h50

SÃO LUÍS – Cinco pessoas foram presas e autuadas em flagrante delito após depredarem a sede de uma torcida do Sampaio Corrêa, localizada no bairro Ivar Saldanha, nas proximidades do Estádio Castelão. A confusão aconteceu logo após o empate em 1 a 1, entre Sampaio Corrêa e Remo- PA, pela Série C do Campeonato Brasileiro.

Foram presos: Nilson Patrick, de 26 anos, Rogério Wallace, de 22 anos, Flávio Alencar, 38 anos, Isac dos Santos, 25 anos e Joberth dos Santos. Um pessoa que tomava de conta do estabelecimento foi espancado. Após ser ouvido pelo delegado, foi encaminhado ao exame de Corpo de Delito. Os envolvidos foram autuados em dois crimes.

“Foram autuados pelo crime de dano qualificado e também pelo crime de lesão corporal leve, tendo em vista que o locatário do imóvel está bem lesionado. O dono da sede do Sampaio se encontrava no local e sofreu algumas lesões no momento em que eles depredavam o local da sede”, explicou o delegado Fernando Guedes, do Plantão das Cajazeiras.

Foi estipulado uma fiança no valor de R$ 1.000, divido para os cinco envolvidos, R$ 200 reais para cada. “Juntando as duas penas não passavam de quatro anos, nesse caso, a legislação permite que seja arbitrada fiança na própria delegacia, como foi arbitrada eles vão responder ao processo em liberdade”, finalizou.

Veja imagens da confusão após o jogo:

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2017 - Todos os direitos reservados.