Saúde

Bebida alcoólica não é sinônimo de hidratação no verão

  •  
  •  

Combinação verão e álcool pode ser extremamente perigosa.

0
Bebida alcoólica não é sinônimo de hidratação no verão
Reprodução

SÃO PAULO - Férias, sol e mar. A época mais aguardada do ano chegou e com ela alguns cuidados fundamentais, como a importância de se manter hidratado. O que muita gente não sabe é que ingerir bebida alcoólica não garante a hidratação do corpo. De acordo com o clínico-geral do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Jayme Campos Vianna, a combinação verão e álcool pode ser extremamente perigosa. “Normalmente, as pessoas acreditam que a ingestão de cerveja ou caipirinha mata a sede e ainda ajuda a manter o corpo hidratado, quando na verdade é exatamente o contrário”, ressalta.

Para quem não abre mão de bebidas alcoólicas na beira do mar ou na piscina, Vianna aconselha a ingestão intercalada de água, água de coco, isotônico ou mesmo limonada. Desta forma, apesar da perda de líquido causada pelo álcool, o corpo se manterá estável e sem sintomas da desidratação, como tontura, dor de cabeça, vista turva e taquicardia.

“É primordial ficar atento aos sinais do corpo e responder conforme a necessidade. Caso sinta sede, beba água. Se sentir tontura, é fundamental sair do sol e se dirigir a um local fresco”, salienta o médico. Entre os riscos à saúde para quem não se hidrata corretamente, Vianna destaca a insuficiência renal aguda.

Para permanecer no sol em longos períodos, seja na praia ou na piscina, o especialista indica o consumo mínimo de 3 litros de água por dia. “Durante o verão, o corpo elimina mais líquido em comparação com outras épocas do ano, podendo chegar a dois litros em dias com temperaturas muito elevadas”, argumenta.

O clínico-geral enfatiza ainda que a hidratação não ocorre apenas através da ingestão de líquidos, mas também pelo consumo de alimentos, como frutas, que são ricas em água. “Vivemos em um país tropical com muitas alternativas de frutas e as mais indicadas para se manter hidratado são a melancia, melão, abacaxi e ameixa”, complementa.

Jayme Campos Vianna reforça a importância do uso de roupas leves e confortáveis, sobretudo, para quem pratica atividade física e trabalha em local quente e aberto.

Leia outras notícias em imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, Snapchat, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no YouTube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2383.

plantão i

    enquete

    PARTICIPE!

    Na sua opinião, qual é o maior problema de São Luís, atualmente?

    PARTICIPAR VER PARCIAL

    redes sociais